...
"Um país sem remédios não tem saúde.
Um país sem livrarias não tem remédio"
- Bernardo Gurbanov, Presidente.


ANL e GFK passam a divulgar mensalmente números do Varejo do Livro



FONTE:ANL

CLIQUE AQUI PARA SABER MAIS





Data da Publicação: 01/02/2018

Dados Mensais sobre o Varejo do Livro

A Associação Nacional de Livrarias – ANL e a GFK, uma das empresas líderes em Inteligência de Mercado no mundo, passam a disponibilizar mensalmente, pelo site da ANL, um retrato sobre o comportamento do varejo no mercado do livro no Brasil.

“Esse serviço é consequência de uma parceria que já se desenvolve desde 2011. Por vários anos a GFK participa de nossas Convenções, trazendo ao mercado dados sobre o varejo do livro. Ela, também, foi responsável pelo último Diagnóstico ANL do Setor Livreiro, apresentado em 2013*. Conhecer os números do mercado é ferramenta primordial para o negócio do livro”, destaca Bernardo Gurbanov, presidente da ANL.

Neste mês de janeiro a GFK traz um panorama do mercado de 2017, destacando-se:

 

 
  • O Ano de 2017 terminou com uma recuperação do mercado de livros, apresentando crescimento em valor comparado com o ano anterior de +1,5%.
  • O canal especializado (Livrarias) é onde ocorre a recuperação, crescendo +6,5% em faturamento no ano.
  • O percentual de descontos concedidos ao consumidor final se manteve estável no ano quando comparado com 2016 (Desconto médio da categoria 17,4%).
  • Categorias em destaque – HQ, Autoajuda, Literatura Brasileira, entre outras.
 

Para Filipe Mori, coordenador de pesquisa de mercado na GFK, entender tendências e os possíveis desdobramentos delas nos ajudam a trilhar com mais segurança os caminhos que estão por vir.

A partir de fevereiro de 2018 o panorama será mensal. Sempre na semana do dia 20 de cada mês teremos o retrato de como o mercado do varejo se comportou no mês anterior. Confira a apresentação completa clique aqui.

O negócio do livro em 2017 acompanhou
a evolução da economia do país

“Das megastores às lojas especializadas, das universitárias ao comércio online, as livrarias buscaram em 2017 os melhores caminhos para se comunicar com o leitor, atender às exigências do consumidor contemporâneo e dar sustentabilidade ao seu negócio.” reforça Bernardo.

O ano de 2017 registrou como fato positivo certa estabilização do número de livrarias em funcionamento, a readequação de espaços ocorrida nas redes e uma tênue recuperação das vendas no quarto trimestre. O fato negativo está na contínua concentração de capitais no setor que acaba prejudicando a bibliodiversidade. “As diversas opções de marketplaces surgidas em 2017 contribuíram para potenciar as vendas online, fenômeno crescente, e incorporaram a novidade da venda de livros seminovos. Pequenas e médias livrarias tem nos marketplaces uma oportunidade para multiplicar suas vendas.” complementa.

* Em fase de capacitação de recursos

Também para 2018 a ANL e GFK já estudam a possibilidade de um novo Diagnóstico do Setor. A Associação tem plena convicção sobre a importância do investimento em pesquisas. A análise e interpretação dos dados são uma ferramenta fundamental para a tomada de decisões, tanto para os empresários do setor como o de novos empreendedores.

Desde 2003 a ANL atualiza o “Anuário Nacional de Livrarias”, esse levantamento tem o objetivo de construir um Banco de Dados permanente e atualizável, contendo informações sobre a rede de livrarias existente no Brasil. O Anuário vem acompanhado pelo “Diagnóstico ANL do Setor Livreiro”, este estudo tem por finalidade manter atualizado o mercado; entender melhor os serviços oferecidos pelas livrarias; demonstrar os principais temas e segmentos vendidos; disponibilizar as oportunidades de negócios por região geográfica; reforçar a importância do canal on-line e demais tecnologias e tipos de comercialização de livros; além de informações classificatórias fiscais e estruturais.

Marilu Garcia do Amaral — Comunicação ANL- Associação Nacional de Livrarias
Fones: 11 22614360 / 11   9 9127 5268 — e-mail: imprensa@anl.org.br
Fanpage: facebook.com/livrarias.anl/ — Site: www.anl.org.br — Skype: marilu-mga